segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Ainda Hoje






Tu te recordas
dos trechos de músicas?
fá – sol – lá – conchas.

Dó - ré – mi – si –nós
escorrendo os azuis
- já se ia dia –

Passa veleiro
pousam lavadeiras
vento vem sem tu.

Ainda hoje
rochedos recitarão
tua ausência.

Mais poemas
para dias miúdos
findos em noites.

Noites dos dias
que não viriam nunca
-inda que dia-

Hoje falésia
se acrescentou mais
a sós comigo.

Resta-me deixar
um olho adormecer
no fundo do mar.

O azul partirá
nos nuances de cobre
ainda hoje.



Foto: Daniel Bezerra




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...